sexta-feira, 23 de abril de 2010

ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS

Alice in Wonderland (23/04 - Salve São Jorge!)




Ficha Técnica:


Gênero: Aventura/Fantasia
.
Duração: 108 min

Ano de Lançamento: 2010 (EUA)

Direção: Tim Burton

Roteiro: Linda Woolverton, baseado nos romances de Lewis Carroll:

As Aventuras de Alice no País das Maravilhas", de 1865
(Title page of the original edition)

e "Alice através do espelho", de 1872
(cover, first edition)


Música: Danny Elfman

Fotografia: Dariusz Wolski

Figurino: Colleen Atwood


Elenco/Vozes:

Mia Wasikowska (Alice)

Johnny Depp (Chapeleiro Maluco/Mad Hatter)

Helena Bonham Carter (Rainha Vermelha/Red Queen)

Crispin Glover (Valete de Copas/Knave-of-Hearts)

Anne Hathaway (Rainha Branca/White Queen)

Alan Rickman (Lagarta Azul/The Caterpillar)



Michael Sheen (Coelho Branco/White Rabbit)
.

Matt Lucas (Tweedledee / Tweedledum)
.


Stephen Fry (Gato Risonho/Cheshire Cat)


Barbara Windsor (Rato/Dormidongo)
.

Marton Csokas (Charles Kingsley)
.
Lindsay Duncan (Helen Kingsley)
.
Eleanor Tomlinson (Fiona Chataway)
.
Frances de la Tour (Tio Imogene)
.
Tim Pigott-Smith (Lorde Ascot)
.
John Hopkins (Lowell Manchester)
.
Geraldine James (Lady Ascot)
.
Amy Bailey (Hatteress)
.
Jemma Powell (Margaret Manchester)
.
Leo Bill (Hamish Ascot)
.
Eleanor Gecks (Faith Chataway)
.
Lucy Davenport (Lady Long Ears)
.
Arick Salmea (Nobre da Rainha Vermelha)
.
Paul Whitehouse (Coelho March Hare)
.
Christopher Lee (Jabberwock/Jaguadarte)
.
.


A fábula e os personagens de Lewis Carroll sempre vão provocar a imaginação e fazer a mente viajar...

Aqui os conhecidos amigos de Alice se juntam em uma história nova. Mais de uma década após seu famoso sonho no País das Maravilhas, ela, em uma festa, prefere seguir o coelho a responder um pedido de casamento de um rapaz conservador e sem imaginação.



Atores se misturam à animação na fantasia em 3D.


(O Diretor com Alice)
.

(Com Depp)
.
.
.
.

quinta-feira, 22 de abril de 2010

RITA CADILLAC, A LADY DO POVO

Rita Cadillac, a Lady do Povo (21/04)



Ficha Técnica:


Gênero: Documentário

Duração: 75 min

Ano de lançamento: 2010 (Brasil)

Site Sugerido: http://pt.wikipedia.org/wiki/Rita_Cadillac

Direção: Toni Venturi


Roteiro: Daniel Chaia

Música: Ruben Feffer e Gustavo Kurlat

Fotografia: Jay Yamashita


Depoimentos:
Rita Cadillac

(A Brasileira Rita de Cássia Coutinho)


Rogéria

Drauzio Varella

Hector Babenco (Diretor de Carandiru)
(Em cena do filme)


Djalma Limongi Batista
(diretor do filme ''Asa Branca, um Sonho Brasileiro'' de 1981, primeiro filme de Rita).

Leleco Barbosa (filho do Chacrinha)

Carlos César (filho)

Haroldo Costa

Lourdinha

Luís Andrade

Marinho


A produção artística de um povo corresponde ao nível cultural e à quantidade de informação presente em sua educação. Nada de extraordinário que o Brasil reflita em sua arte, estas distâncias e diferenças.
Com a mistura e aceitação propostas por festas que trazem o som ''trash'' ou "brega" para as pistas de dança, figuras como Rita Cadillac vêm se livrando de rótulos e passam a fazer parte de uma espécie de conjunto de produção: uma só arte, de um só país. Integração de música e estilos.
A possibilidade de escolha é de quem vai consumir o resultado final.

O documentário conta a vida e a trajetória da ex-chacrete, desde sua infância sofrida até suas decisões por novos caminhos, quando o programa do Chacrinha chega ao fim.
.
Imagens de suas apresentações no Presídio do Carandiru,
quando um detento beija a famosa parte de sua anatomia...
.
e no garimpo de Serra Pelada.

A carreira de 'cantora' que fazia mais shows do que muitas estrelas da MPB (chegando a 42 por mês)
e cenas de seus filmes pornôs.




(À direita com Abelardo Barbosa, o Chacrinha, e outras chacretes)
Brasil mostrando sua cara.
.

''É bom para o moral''!
.
.
.

terça-feira, 20 de abril de 2010

ZONA VERDE

Green Zone (19/04)



Ficha Técnica:

Gênero: Ação

Duração: 105 min

Ano de Lançamento: 2010 (França, Espanha, Reino Unido, EUA)

Direção: Paul Greengrass


Roteiro: Brian Helgeland, baseado no livro

de Rajiv Chandrasekaran

Música: John Powell

Fotografia: Barry Ackroyd

Figurino: Sammy Sheldon


Elenco:

Matt Damon (Roy Miller)

Greg Kinnear (Clark Poundstone)

Brendan Gleeson (Martin Brown)

Khalid Abdalla (Freddy)

Jason Isaacs (Lt. Briggs)
.
Yigal Naor (Al Rawi)

Amy Ryan (Lawrie Dayne, a jornalista)

Nicoye Banks (Perry)

Jerry Della Salla (Wilkins)
.
Said Faraj (Seyyed Hamza)
.
Faycal Attougui (Segurança de Al Rawi)
.
Aymen Hamdouchi (Ayad Hamza)
.
Sean Huze (Conway)
.
Antoni Corone (Coronel Lyons)
.
Paul Rieckhoff (Gonzales)
.
.

Thriller frenético de ação quase ininterrupta. Várias cenas são realizadas com a câmera 'nas mãos', correndo atrás dos personagem, subindo e descendo escadas e ruas.

O filme trata da possibilidade (que se tornou real com o passar dos anos) do governo Bush ter invadido o Iraque utilizando apenas como pretexto a existência de armas de destruição em massa.
Aqui um soldado americano percebe o esquema e, contra políticos e militares influentes, quer nadar contra a maré, denunciando a mentira.
Ao final ele escreve uma matéria sobre sua investigação e envia para os principais meios de comunicação.
A Zona Verde é um lugar em meio à guerra onde os americanos tentam se sentir em paz e 'em casa'. Piscina, jogos, comida e bebida à vontade, lazer, descanso...como em um hotel 5 estrelas.
A cidade ao redor vê suas famílias serem destruídas, crianças mortas, lares invadidos...

A última tomada mostra uma área de exploração de petróleo. Torres e usinas em meio ao deserto árido: todo o mundo (all the world) sabe que esta é a verdadeira razão da invasão americana no Iraque.

(Damon e o Diretor Greengrass)
.
.
.